Serviço

Home | Laserway Furukawa

A Sistemar acredita que para fornecer serviços de qualidade precisamos de equipe qualificada.Todos serviços abaixo temos know-how para atendê-lo.

Redes Estruturadas / Laserway Furukawa

Laserway Furukawa


Destaque entre as inovadoras tecnologias da Furukawa, a Solução Laserway é voltada para o mercado corporativo. 100% óptica, ela pode reduzir em até 70% os investimentos em infraestruturas LAN.
A sistemar Tecnologias é capacitada para implementar aLaserway. A solução é baseada na tecnologia GPON (Gigabit Passive Optical Network), que conceitualmente é uma rede baseada em fibras monomodo com topologia pontomultiponto, sendo que entre um único equipamento de agregação da rede (Core) e os equipamentos presentes nas áreas de trabalho (work areas) existem apenas elementos ópticos passivos.

Na solução Laserway, a transmissão dos dados ocorre entre um equipamento chamado OLT (Optical Line Termination), localizado na sala de equipamentos e os equipamentos ONT (Optical Network Termination) localizados nas áreas de trabalho. As ONTs fornecem conectividade a partir de patch cords metálicos a quaisquer dispositivos finais 10/100/1000 BaseT Ethernet da rede, tais como computadores, telefones IP, access points, impressoras, câmeras de vigilância IP, sistemas de automação, controle de acesso, etc. Além da conectividade com equipamentos IP, também podem ser ofertados serviços como telefonia analógica e vídeo analógico.

Entre OLT e ONTs está a rede de distribuição óptica ODN (Optical Distribution Network). Nesta rede estão presentes as fibras ópticas do tipo monomodo e os splitters ópticos, que nada mais são do que divisores de sinais ópticos. Os splitters são equipamentos passivos, ou seja, que não requerem alimentação por energia elétrica e nem refrigeração, e que tem por função dividir o sinal óptico de entrada, advindo de uma fibra da OLT, em múltiplas saídas para as fibras que se conectarão às ONTs presentes nas áreas de trabalho.

Benefícios da solução:
• Infraestrutura Simplificada: com a diminuição de salas técnicas, eletrocalhas e dutos devido ao fato de que cada fibra pode distribuir informação de vários usuários para cada porta óptica da OLT.
• Diminuição do Consumo de Energia: devido à diminuição do número de salas técnicas necessárias para a rede local, também diminui a necessidade de equipamentos para refrigeração e alimentação elétrica das salas. Além deste fator, os equipamentos da solução Laserway apresentam um baixo consumo de energia por transmitirem dados por um meio óptico.
• Melhor Controle de Banda: como na solução Laserway os equipamentos OLT e ONTs estão localizados somente nas terminações da rede óptica, o controle da banda utilizada em cada uma das ONTs se torna facilitado. Esta característica de ter o equipamento centralizador da comutação do tráfego em um ponto central da rede também se encaixa perfeitamente com o perfil de tráfego das redes locais atuais.
• Rede à Prova de Futuro: a rede de distribuição da solução Laserway, formada por fibra óptica, splitters e acessórios ópticos, tem uma capacidade de transmissão na ordem de Terabps (Terabits por segundo). É sabido que os equipamentos ativos, com o passar do tempo, têm aumentos significativos em suas taxas de transmissão de dados. A infraestrutura da solução implantada hoje já estaria pronta para suportar tais taxas.
• Rede para Edificações Green Building: muitas das características da solução Laserway são essenciais para atender aos programas de incentivo ao uso de recursos eficientes, pois contribuem com a diminuição do consumo de energia, dos sistemas de refrigeração e da quantidade de material usada no cabeamento.
• Economia de Investimentos: A solução Laserway traz importantes reduções em investimentos CAPEX (custos dos materiais) e OPEX (custos de operação). CAPEX: com uma redução significativa de ocupação de espaço – cada porta de equipamento pode atender até 64 diferentes serviços, pode-se prever salas técnicas menores e sem infraestrutura exclusiva para sistemas de ar condicionado, energia estabilizada e periféricos. Em casos extremos, podem ser reduzidas a um armário óptico. OPEX: a operação e manutenção da rede são simplificados por conta das salas técnicas menores, menos ativo e consequentemente menor quantidade de pontos de falha, controle de todos os pontos atendidos a partir de um único equipamento. Porém, o maior impacto está na redução do consumo de energia, podendo chegar em até 70%.

Solicite o contato de um especialista